Meio Ambiente

Protocolo de Kyoto

_K5H6475BioEnergia também está orientada e adequada às propostas do Protocolo de Kyoto, documento internacional em vigor desde 2005, que especifica metas de redução nas emissões de gases do efeito estufa e ao Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL). A eficiência energética de processos de carbonização e o uso da biomassa plantada como fonte de energia renovável são conceitos aceitos, atualmente, como projetos de redução de emissões.

As florestas de eucalipto da Aperam BioEnergia, em constante crescimento, realizam a retenção do gás carbônico (CO²), por meio do processo de fotossíntese. Para cada tonelada de ferro-gusa produzido com carvão vegetal há um ganho ambiental mínimo de três toneladas de CO² em comparação ao uso de biomassa não renovável ou de combustíveis fósseis.

Compartilhar: